Festa clandestina com mais de 300 pessoas é interrompida na zona oeste do Rio

Medidas restritivas também foram desrespeitadas na praia do Pontal

Camille Couto, da CNN, no Rio de Janeiro
28 de março de 2021 às 19:56 | Atualizado 29 de março de 2021 às 07:29

No terceiro dia da pausa emergencial de 10 dias, período em que os feriados foram adiantados no Estado do Rio de Janeiro para tentar frear a disseminação do novo coronavírus diante do cenário epidemiológico crítico do Brasil, muitas pessoas continuaram desrespeitando regras impostas pela Prefeitura. 

Na tarde deste domingo (28) a Secretaria de Ordem Pública (Seop) interrompeu uma festa clandestina na Taquara, na zona oeste da capital carioca.

O evento divulgado nas redes com mais de 300 convidados, acontecia desde o início da manhã com churrasco, música e piscina. Quando os agentes chegaram ao local, as pessoas saíram sem resistência. Segundo a Vigilância Sanitária do município, a multa para estes casos varia de R$ 2.800 à R$15 mil. 

Mais cenas de desrespeito às medidas restritivas foram registradas no Pontal, no Recreio dos Bandeirantes, também na zona oeste. Grupos praticando esportes, banhistas pegando sol na faixa de areia e ambulantes permaneceram na praia durante o dia todo. 

Festa clandestina na Taquara, na Zona Oeste do Rio de Janeiro
Foto: Seop

Vale ressaltar que desde o dia 19/03, a Prefeitura do Rio de Janeiro publicou no Diário Oficial o Decreto nº 48.641, ampliando as restrições. Desde o fim de semana passado, foram fechadas as praias e áreas de lazer, assim como houve a proibição do estacionamento em toda a orla marítima.

Está permitido somente a prática de exercícios individuais. Para o setor de bares, restaurantes e quiosques, a orientação é que ofereçam a opção do delivery (entrega em domicílio), take-away (retirada no balcão) ou drive-thru. Até o dia 04 de abril, só podem funcionar serviços essenciais. 

De sexta-feira (26) até o sábado (27) o comboio da Seop contabilizou 864 autuações para conter a propagação do novo coronavírus na cidade. Até ontem, a operação fechou 19 bares e restaurantes. Outros 60 estabelecimentos foram multados.