Projeto de empresa de delivery capacita entregadores para primeiros socorros

Até o momento, o programa 'Anjos de Capacete' tem quase 50 alunos formados

Tiago Américo, da CNN, em São Paulo
16 de julho de 2021 às 20:27

 

A empresa de delivery Ifood desenvolveu o projeto "Anjos de Capacete", que capacita os entregadores a prestarem primeiros socorros. Até o momento, o programa tem quase 50 alunos formados. 

Segundo o gerente de políticas públicas do Ifood, Felipe Daud, o aumento de motoboys durante a pandemia estimulou a ação. Ele também destaca que a empresa precisou fez parcerias com órgãos públicos de segurança e de saúde para capacitar os voluntários.

De acordo com o diretor do centro de treinamento do InCor, Sérgio Timerman, os entregadores não são treinados para substituir socorristas profissionais, apenas agir em situações de risco.

"Quanto mais aqueles que não são profissionais da saúde souberem reconhecer uma emergência e como atuar, mais pessoas poderão ser salvas", afirma o médico.

Dados do Detran apontam que, entre janeiro e maio de 2021, 758 motoboys morreram em São Paulo. Em 2020,  foram 754 óbitos.

Projeto "Anjos de Capacete" capacita entregadores em primeiros socorros (16.jul.2021)
Foto: Reprodução / CNN
Alerj aprova projeto de lei que garante prioridade aos idosos nos serviços de delivery
Foto: Foto: Divulgação/Alerj