Queiroga indica médica contra vacina para dirigir hospital federal no RJ

Em suas redes sociais, a profissional de saúde disse se opor à vacina contra a Covid-19 e que não irá se vacinar

Da CNN, em São Paulo
20 de julho de 2021 às 21:56

O Ministério da Saúde publicou no Diário Oficial desta terça-feira (20) a nomeação da médica Mara Regina Cordeiro Pezzino para assumir o posto de diretora-geral do Hospital Federal de Ipanema, no Rio de Janeiro

Em suas redes sociais, a profissional de saúde disse se opor à vacina contra a Covid-19 e que não irá se vacinar. Ela também apoia medicamentos sem comprovação cientifica para combater o novo coronavírus. 

Mara vai assumir um hospital importante no Rio de Janeiro, localizado na zona sul da cidade, que é referência em diversas especialidades e que oferece serviços de média e alta complexidade. 

A nomeação foi feita pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Questionado sobre o tema, o Ministério da Saúde não respondeu. A equipe da CNN também tentou entrar em contato com a médica e não obteve resposta.

Hospital Federal de Ipanema, no Rio de Janeiro (20.jul.2021)
Foto: CNN Brasil