Aumento no preço dos combustíveis, falta de vacina e mais de 18 de fevereiro

5 Fatos Tarde repercute principais notícias do Brasil e do mundo

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O novo reajuste nos preços dos combustíveis, a possibilidade de faltar vacinas em ao menos nove capitais brasileiras e a audiência de custódia do deputado Daniel Silveira estão entre os destaques do 5 Fatos Tarde desta quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021.

Novo aumento nos combustíveis

A Petrobras anunciou um novo aumento nos preços dos combustíveis. O valor do litro da gasolina vai subir mais de 10% nas refinarias, chegando a R$ 2,48. O diesel subirá 15,2%, chegando a R$ 2,58. As medidas já valem a partir da meia-noite desta sexta-feira. A companhia explicou que os reajustes fazem parte, assim como outros aumentos recentes, do alinhamento de preços com mercado internacional e com a oscilação do dólar.

Falta de vacinas

Pelo menos nove capitais brasileiras já sinalizaram a falta de estoque ou informaram que as doses da vacina contra a Covid-19 vão acabar nos próximos dias. São elas: Rio de Janeiro, Natal, Manaus, Porto Velho, Curitiba, Salvador, Porto Alegre, Florianópolis e Goiânia. As capitais aguardam a reposição dos lotes pelo Ministério da Saúde.

Daniel Silveira

Depois de ter a sua prisão mantida, por unanimidade, pelo plenário do Supremo Tribunal Federal (STF), o deputado Daniel Silveira ainda terá de passar por uma audiência de custódia marcada para esta tarde pelo ministro Alexandre de Moraes. A legislação prevê a possibilidade de o réu ser colocado em liberdade provisória pelo juiz responsável pela análise do caso depois do flagrante. Daniel Silveira foi preso na última terça depois de publicar um vídeo com ofensas ao STF e apologia a atos da ditadura.

Fraudes no auxílio emergencial

Uma operação da Polícia Federal contra fraudes no auxílio emergencial cumpre 66 mandados de busca e apreensão nos estados da Bahia, Tocantins, Paraíba e Minas Gerais. As investigações apontam que os envolvidos cadastravam pessoas que não tinham direito ao auxílio e usavam os recursos para pagamento de boletos. O caso veio a tona depois de denúncias feitas pela Caixa Econômica Federal.

Falsa vacinação

Uma técnica de enfermagem suspeita de não injetar uma dose de vacina contra a Covid-19 em um idoso de Niterói foi a primeira profissional do Brasil a ser indiciada criminalmente. Durante o depoimento, Rosemary Gomes Pita, de 42 anos, não soube explicar porque não aplicou a vacina no braço do idoso. A técnica de enfermagem foi demitida da rede pública de saúde.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

(Publicado por: André Rigue)

 

Mais Recentes da CNN