Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Cartão E-Fácil deixará de ser aceito no transporte público de São Paulo

    Usuários que ainda possuem cartão deverão migrar para sistema do Bilhete Único, diz Prefeitura da capital paulista

    Aplicativo deve facilitar a vida do usuário de transporte público
    Aplicativo deve facilitar a vida do usuário de transporte público Foto: Roberto Parizotti/FotosPublicas

    Giovanna Galvanida CNN

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    A cidade de São Paulo deixará de aceitar o cartão E-Fácil para pagamento da tarifa no transporte público da capital. A medida começa a valer a partir de 1º de janeiro de 2022, informou a secretaria de Transporte e Mobilidade Urbana.

    Quem ainda possui um cartão do gênero deverá migrar para o Bilhete Único comum, realizando inclusive a transferência do saldo remanescente. É possível adquirir o Bilhete após cadastro no site da SPTrans (www.sptrans.com.br/cadastro).

    Caso o usuário possua os dois cartões, é possível transferir o saldo do E-Fácil para o Bilhete Único também no portal da SPTrans (https://www.sptrans.com.br/trocabilhete). A transferência ou emissão da 1ª via do Bilhete Único não tem custos ao passageiro.

    De acordo com a Prefeitura de São Paulo, o E-Fácil perdeu sua utilizada com o encerramento de estacionamentos conveniados para incentivar a integração entre automóvel e o sistema de transporte escolhido.

    Mais Recentes da CNN