Claudia Costin: É importante que escolas exijam comprovante de vacinação

A Especialista CNN em educação Claudia Costin diz que, com o avanço da imunização, não deveria mais haver dúvidas sobre a volta às aulas presenciais

Fernanda Pinottida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Pelo menos 20 estados e o Distrito Federal irão voltar às aulas presencialmente e de forma obrigatória, segundo levantamento da Agência CNN. Em São Paulo, o governo do estado publicou neste sábado (29) uma resolução que torna obrigatória a apresentação de comprovante de vacinação contra a Covid-19 nas escolas estaduais.

Segundo a Especialista CNN em educação Claudia Costin, a medida é importante e já foi feita no passado com outras vacinas. Além disso, possui a sensibilidade de não impedir que alunos não vacinados frequentem as aulas. “As crianças tem o direito de ir à escola e o direito à saúde e à volta segura”, ela complementa.

Caso o comprovante de vacinação não seja apresentado, os pais tem 60 dias para regularizar a situação ou a escola comunicará o Conselho Tutelar, o Ministério Público e as autoridades sanitárias, para que estes tomem providências cabíveis.

“Não deveria mais existir dúvidas sobre a volta às aulas presenciais, não estamos na mesma situação de 2020 ou 2021. Os professores já estão vacinados com a terceira dose e os adolescentes com duas”, segundo Costin.

Os prejuízos causados pela distância da sala de aula foram muitos e variados. “As crianças não tiveram apenas uma perda severa de aprendizagem e a saúde mental prejudicada, famílias em situação de vulnerabilidade tiveram aumento na insegurança alimentar”, ela explica. A escola era o lugar onde muitas crianças garantiam uma refeição completa.

Aumento nas desigualdades

De acordo com a especialista: “Se já tínhamos desigualdades educacionais muito grandes, a pandemia agravou isso ainda mais”. A desigualdade se evidenciou tanto em relação às classes sociais, às redes pública e privada e também regionalmente.

“Em alguns estados e municípios há uma mistura de escassez de recursos com um sistema político que não dá valor a políticas públicas.”

Em compensação, também vemos muitas redes de ensino estaduais e municipais buscando a recuperação de aprendizagem, através de programas feitos nas férias escolares, expansão da jornada escolar e outras medidas.

Veja mais no vídeo acima.

Mais Recentes da CNN