Em rede social, Flordelis faz declaração de amor ao marido assassinado

Na publicação, a deputada escreveu que Anderson do Carmo 'segue vivo dentro' dela e que um dia vai poder encontrá-lo novamente

Deputada Flordelis durante reunião na CCJ
Deputada Flordelis durante reunião na CCJ Foto: Flordelis - 12.nov.2019 / Facebook

Jairo Nascimento, da CNN, no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

A deputada Flordelis de Souza (PSD-RJ) postou uma declaração de amor ao marido assassinado, o Pastor Anderson do Carmo. Na publicação em uma rede social, a pastora diz que sente saudades. “Não consigo me acostumar a viver sem você”, escreveu.

Ela segue: “Meu Nem, meu amor, você segue vivo dentro de mim. Um ano e três meses longe, parece uma eternidade, mas o que me acalma é a certeza de que mesmo que você não possa voltar, um dia eu vou poder ir até o seu encontro”. “Nem” ou “Neil” era o apelido do Pastor Anderson usado pelos 55 filhos do casal.

Nos comentários, seguidores apóiam a pastora. “Flor, estamos com você até o fim” e “A senhora vai voltar a sorrir de novo”, disseram.

Assista e leia também:

PGR analisa esquema de ‘rachadinhas’ no gabinete da deputada Flordelis

Flordelis tem músicas proíbidas de tocar em rádios gospel do RJ

Justiça determina que filhas de Flordelis fiquem em presídios diferentes

Flordelis: entenda o caso da deputada acusada de mandar matar o marido

Segundo a denúncia do Ministério Público do Rio de Janeiro e o inquérito da Polícia Civil, Flordelis tentou dissimular o bom relacionamento do casal para se furtar da acusação de ser mandante do assassinato do esposo. 

O delegado do caso, Allan Duarte, entende que ela pretende incriminar os filhos, pois “tenta se ocultar, manipula provas e pessoas”. 

Flordelis, sete filhos e uma neta são acusados de arquitetar a morte  do Pastor Anderson do Carmo, com mais de 30 tiros, em junho de 2019.

Leia a publicação da deputada na íntegra:

“Meu Nem, sinto tantas saudades, não consigo me acostumar a viver sem você. Até tento, mas não consigo, fazíamos quase tudo juntos, sinto sua falta ao meu lado, tem sido muito difícil viver sem você.

Mesmo o tempo passando, jamais será suficiente para que a dor da sua ausência diminua.

Meu Nem, meu amor, você segue vivo dentro de mim. Um ano e três meses longe, parece uma eternidade, mas o que me acalma é a certeza de que mesmo que você não possa voltar, um dia eu vou poder ir até o seu encontro. Sei que preciso continuar e não deixar a felicidade fugir de vez da minha vida, mas as saudades que sinto de você me deixam paralisada.

Você foi embora, meu amor, e levou também uma parte de mim. Deus tem sido meu Refúgio, minha Força, meu Socorro, em Deus tenho depositado minha confiança. Vou lembrar de você, todos os dias e em todas as situações que eu viver e você continuará vivo através de mim e da nossa família.

Sempre te amarei, Nem! Até um dia!”

Mais Recentes da CNN