Estados vão pedir que governo federal proíba exportação de seringas 

Movimento tem como pano de fundo a dificuldade que diversos estados têm enfrentado para conseguir comprar seringas

Thais Arbexda CNN

Ouvir notícia


 

Em meio ao fracasso do pregão do Ministério da Saúde para a compra de seringas e agulhas, estados farão um apelo ao governo federal para que seja proibida a exportação desses materiais.

A CNN apurou que o Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde) pretende formalizar o pedido ao Palácio do Planalto em breve. O movimento tem como pano de fundo a dificuldade que diversos estados têm enfrentado para conseguir comprar seringas.

Leia também:

Covid-19: Farmacêutica pretende pedir uso emergencial da Sputnik V no Brasil
Fiocruz promete entregar até 15/01 documentos para registrar vacina de Oxford
Vacina da Moderna pode causar reação em pessoas com botox e preenchimento labial

Segundo relatos feitos à CNN, empresas brasileiras têm justificado a impossibilidade de fornecer o material ao país por já estarem comprometidas com o mercado internacional.

Um estado tentou adquirir, recentemente, 9 milhões de seringas e agulhas, mas não conseguiu encontrar um fornecedor. 

A ideia do Conass é que o governo adote medida semelhante ao que foi feito no início da pandemia em relação à exportação de respiradores. 

Em meados de abril, entrou em vigor a lei 13.993, que proibiu a exportação de ventiladores pulmonares mecânicos e circuitos, camas hospitalares, monitores multiparâmetros e equipamentos de proteção individual (EPIs) de uso na área de saúde, como luva látex, luva nitrílica, avental impermeável, óculos de proteção, gorro, máscara cirúrgica e protetor facial.

Destaques da CNN Brasil Business:

6 atitudes para avançar na carreira em 2021
Rombo primário em 2020 virá menor em meio à empoçamento de R$35 bi, diz Tesouro
O colapso que Trump previu para Wall Street – e que não aconteceu

O impedimento foi determinado enquanto durar o estado de emergência em saúde pública. A proposta dos secretários de saúde estaduais será para que o governo edite uma medida nos mesmos moldes para seringas e agulhas.

Mais Recentes da CNN