Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Governo de São Paulo libera R$ 15 milhões para cidades atingidas com chuvas

    Chuvas atingiram o estado de São Paulo nesta madrugada (30)

    Artur Nicocelida CNN

    São Paulo

    Ouvir notícia

    As fortes chuvas durante a madrugada deste domingo (30) provocaram pelo menos 18 mortes no estado de São Paulo. O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), liberou R$ 15 milhões para as dez cidades “mais afetadas”, sendo R$ 2 milhões a Prefeitura de Francisco Morato para ajudar na reconstrução, R$ 1 milhão a Arujá, R$ 1 milhão a Embu das Artes e R$ 1 milhão para Várzea Paulista.

    Segundo apurações da CNN, o secretário de desenvolvimento regional de São Paulo, Marco Vinholi, informou que o montante será usado para “aluguel social, obras de encostas e recomposição do asfalto”. Ao todo, 500 famílias estão desalojadas em todo o estado.

     

    Foram identificadas cinco mortes em Várzea Paulista, quatro em Francisco Morato, três em Franco da Rocha, três em Embu das Artes, uma em Arujá, uma em Ribeirão Preto, uma em Capivari, uma em Monte Mor e uma em Rafard.

    Regiões atingidas

    Em Franco da Rocha, a prefeitura confirmou o registro de diversas ocorrências devido às chuvas.

    O incidente mais grave ocorreu na rua São Carlos, no Parque Paulista. Após um deslizamento, foram resgatadas sete pessoas com vida, mas uma faleceu no hospital. Outras três vitimas foram encontradas já sem vida.

    Já em Embu das Artes, de acordo com o Corpo de Bombeiros, uma mãe e dois filhos – um homem e uma menina – foram soterradas e não resistiram. No momento do deslizamento, sete pessoas estavam na casa. Quatro foram socorridas por populares antes dos Bombeiros chegarem.

    Segundo nota da prefeitura, enviada à CNN, a Defesa Civil, a GCM, o prefeito de Embu das Artes, Ney Santos, e o vice-prefeito, Hugo Prado, estiveram no local prestando assistência às vítimas.

    No twitter, Vinholi afirmou que está acompanhando o impacto das chuvas no Estado.

     

    Ainda pode chover

    Assis Diniz, chefe da previsão do tempo do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), em entrevista à CNN, afirmou que a região sudeste – principalmente São Paulo e Minas Gerais – pode ter fortes chuvas na próxima semana.

    “A zona está passando por uma convergência, causando chuvas significativas até a próxima quarta-feira (2)”, afirmou o especialista.

    O chefe do Inmet alerta ainda que as chuvas podem chegar a 100 mm por dia, o que pode deixar o solo encharcado de algumas regiões, com chances de desmoronamento.

    Mais Recentes da CNN