Governo encerra emergência por Covid-19, falha no ConecteSUS e mais de 18 de abril

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, fez pronunciamento e disse que o cenário epidemiológico do Brasil permite o encerramento da emergência em saúde pública

Ministro Marcelo Queiroga chegou a dizer, em dezembro, que a vacinação infantil só seria autorizada mediante indicação médica
Ministro Marcelo Queiroga chegou a dizer, em dezembro, que a vacinação infantil só seria autorizada mediante indicação médica Reuters/Mateus Bonomi

Léo Lopesda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O encerramento da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) por Covid-19 no Brasil, anunciado pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e a falha no ConecteSUS, que omite mais de 1,5 milhão de doses aplicadas estão entre os destaques desta segunda-feira (18).

Queiroga decide encerrar emergência em saúde pública por Covid-19 no Brasil

Em pronunciamento em cadeia nacional de rádio e TV o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse que o atual cenário epidemiológico do Brasil permite o encerramento da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) por Covid-19.

“Nos próximos dias, será editado um ato normativo disciplinando essa decisão”, disse o ministro. Queiroga ressaltou a cobertura vacinal no país e falou que a decisão não significa o fim da pandemia. O Brasil registrou 22 mortes por Covid-19 ontem, menor número desde março de 2020.

Mais de 1,5 milhão de doses da vacina não aparecem no ConecteSUS

Por conta do ataque cibernético ao site do Ministério da Saúde, doses de vacinas aplicadas contra a Covid-19 ainda não aparecem no sistema e nem no comprovante de vacinação dos usuários do ConecteSUS, plataforma da pasta para emissão do passaporte da vacina.

São mais de 1,5 milhão de doses que não constam no aplicativo, com informações apenas do Distrito Federal e de São Paulo. O estado de Santa Catarina também possui a diferença de doses, mas não soube quantificar.

Zelensky alerta para avanço de tropas russas no leste da Ucrânia

O presidente ucraniano Volodymyr Zelensky advertiu sobre uma ofensiva das forças russas na região leste do país, em vídeo publicado ontem. “As tropas russas estão se preparando para uma operação ofensiva no leste de nosso país, que começará em um futuro próximo”, disse Zelensky.

“Eles querem literalmente destruir Donbass. Destruir tudo o que outrora deu glória a esta região industrial. assim como as tropas russas estão destruindo Mariupol”.

Alta de fertilizantes prejudica setor no Brasil, mas é oportunidade de expansão

A guerra entre Ucrânia e Rússia afetou os preços de uma série de produtos, entre eles os fertilizantes, com um impacto ainda maior para países que importam a maior parte do que consomem, caso do Brasil. Essa alta acaba refletida nos alimentos, piorando o quadro inflacionário.

Especialistas apontam, porém, que por mais que o setor de fertilizantes brasileiro deva enfrentar dificuldades no curto prazo, a guerra gerou uma oportunidade de crescimento ao deixar à tona uma vulnerabilidade do país.

Criminosos atacam transportadora de valores no interior do Paraná

No fim da noite de domingo, criminosos realizaram uma tentativa de assalto à transportadora de valores ProForte, na cidade de Guarapuava, no interior do Paraná.

Além do ataque à transportadora, os homens armados também incendiaram caminhões na rodovia BR- 277, que dá acesso á cidade, e próximo ao 16º Batalhão da Polícia Militar, que foi atingido por diversos tiros. Dois policiais ficaram feridos e deram entrada em um hospital.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

Mais Recentes da CNN