Gravidade da Ômicron, recorde de casos de Covid e mais da noite de 4 de janeiro

5 Fatos Noite, apresentado por Carol Nogueira, repercute as principais notícias do Brasil e do mundo

Pedro Zanattada CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Um novo estudo sobre a gravidade da variante Ômicron do novo coronavírus e o recorde de diagnósticos positivos para Covid-19 no mundo estão entre os destaques da noite desta terça-feira, 4 de janeiro de 2022.

Consulta pública

A maioria das pessoas ouvidas na consulta pública do governo reprovou a exigência de prescrição médica para vacinação de crianças contra a Covid-19. Cerca de 100 mil pessoas participaram da votação. A audiência para discutir o tema durou mais de quatro horas e não contou com a participação da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Gravidade da Ômicron

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou que novas evidências mostram que a Ômicron causa sintomas mais leves do que as outras variantes do novo coronavírus. Diferente das outras cepas, que podem causar pneumonia grave, a Ômicron afeta a parte superior do trato respiratório.

Mais anticorpos

Um estudo israelense aponta que a quarta dose da vacina contra a Covid-19 aumenta em cinco vezes o número de anticorpos uma semana após a aplicação. A informação foi divulgada pelo primeiro-ministro do país, Naftali Bennett.

Novo recorde de casos

O mundo bateu recorde de casos confirmados de Covid-19 em 24 horas: foram 2,4 milhões de infecções. O levantamento é feito pela plataforma Our World in Data. Até então, o recorde havia sido de pouco menos de 2 milhões, no dia 30 de dezembro.

Reaplicação do Enem

Os inscritos do Enem 2021, que não puderam participar da prova por motivo justificado, já podem acessar o cartão de confirmação com o local e horário de aplicação da prova. O exame será reaplicado nos dias 9 e 16 de janeiro.

Nas redes

Nas redes sociais, o destaque é para o pagamento à vista do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de 2022 em São Paulo, que tem desconto de 9%.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

Mais Recentes da CNN