Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Homicídio é a principal causa de morte de jovens e mais da tarde de 27 de agosto

    5 Fatos Tarde, apresentado por Luciana Barreto, traz as principais notícias do Brasil e do mundo

    Ouvir notícia
     
    O balanço do Atlas da Violência, que mostra que os homicídios são a principal causa de morte de jovens no país, e a retomada das buscas por vítimas em Brumadinho (MG) são alguns dos destaques da tarde desta quinta-feira, 27 de agosto de 2020.

    Homicídios no país 

    Os homicídios são a principal causa da morte de jovens no país, aponta o Atlas da Violência 2020. Segundo o documento, elaborado pelo Ipea e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, jovens entre 15 e 29 anos representaram 53,3% do total de homicídios e 75,7% das vítimas de assassinatos no país são negras.

    Caso Flordelis

    A Polícia Civil instaurou inquérito para investigar a participação de integrantes da igreja de Flordelis que, a mando da pastora e deputada federal, teriam tentado envenenar o pastor Anderson do Carmo, assassinado com 30 tiros no dia 16 de junho do ano passado. Anderson e Flordelis foram casados durante 21 anos. Segundo relatório da investigação, a informação sobre as tentativas de envenenamento por pessoas da igreja de Flordelis foi dada, em depoimento aos investigadores, por Luana Vedovi Pimenta, ex-nora da deputada.

    Indústria 

    Assim como na construção, a confiança da indústria no Brasil subiu pelo quarto mês consecutivo em agosto, recuperando quase o total das perdas registradas no auge da crise do novo coronavírus. O índice da FGV divulgado nesta quinta-feira (27) teve alta de 8,9 pontos em agosto, a 98,7 pontos, o que significa uma recuperação de 93,8% das perdas registradas entre março e abril.

    Brumadinho

    O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais retoma nesta quinta-feira (27) as buscas pelas 11 vítimas ainda desaparecidas após o rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho, na região Metropolitana de Belo Horizonte. A operação havia sido suspensa em decorrência da Covid-19. Aproximadamente, 60 militares vão atuar nos trabalhos.

    Furacão Laura

    O furacão Laura avança sobre a costa dos Estados Unidos nesta quinta-feira (27). O fenômeno que chegou ao país como de categoria 4 já foi rebaixado a categoria 1. Cerca de 600 mil pessoas estao sem energia nos estados unidos.

    Newsletter

    Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

     

    Mais Recentes da CNN