Hospital das Clínicas vai ganhar 100 novos leitos de UTI para casos graves

Ampliação terá ajuda de empresas e da rede privada de saúde

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Com 189 dos 200 leitos de UTI (Unidade de terapia intensiva) preenchidos, o Hospital das Clínicas (HC), em São Paulo, irá ganhar mais 100 leitos até o fim de maio. Os detalhes da ampliação foram explicados à CNN, nesta terça-feira (28), pelo médico Aluisio Segurado, que é integrante do comitê de crise do HC.

“A ampliação está sendo possível com esta parceria que o HC está tendo o privilégio de ter com várias equipes de hospitais privados”, explicou Segurado. Além da ajuda da rede privada de saúde, empresas estão contribuindo com recursos para compra de equipamentos e contratação de funcionários. 

O médico frisou que o atendimento para os casos mais graves que são direcionados ao hospital não depende apenas de médicos, mas também de profissionais de enfermagem. “E em número muito maior do que habitualmente estamos acostumados a trabalhar nas UTIs, porque esses pacientes exigem mais, porque podem apresentar mais gravidade”, explicou.

Leia também:

Vacina contra coronavírus deve ficar pronta somente no fim de 2021

Mortes por doenças respiratórias aumentam mais de 1.000% durante a pandemia

Além disso, o médico ressaltou que esses casos também necessitam de mais fisioterapeutas, pois são “extremamente importantes na ajuda da recuperação respiratória” dos pacientes. Segurado estima que, desde 30 de março, o HC internou mais de mil pacientes e, atualmente, o hospital tem cerca de 400 internados – entre UTI e outras áreas.

Os primeiros 40 leitos devem estar prontos para uso até o fim da primeira semana de maio. 

 

Mais Recentes da CNN