Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    No Rio, jovem de 16 anos mata os pais a marteladas e coloca fogo nos corpos

    Segundo a Polícia Militar, o próprio adolescente acionou as autoridades e confessou a autoria dos crimes

    Casa onde o crime ocorreu, na zona oeste do Rio de Janeiro
    Casa onde o crime ocorreu, na zona oeste do Rio de Janeiro Reprodução/Google Street View

    Dayres VitoriaMaria Clara AlcântaraRachel Amorim

    Um adolescente de 16 anos foi apreendido na madrugada desta sexta-feira (24) em Jacarepaguá, na zona oeste do Rio de Janeiro, após ter matado os pais a marteladas e, posteriormente, ateado fogo na residência da família.

    Segundo a Polícia Militar, o próprio jovem foi quem acionou as autoridades e confessou a autoria das mortes.

    Aos policiais, o adolescente disse que, primeiro, teria matado os pais usando um martelo e um pedaço de madeira. Em seguida, ele ateou fogo no quarto onde estavam os corpos. As vítimas, Mariana Valente Abud e Luiz Cláudio Gonçalves Pinheiro, ambos de 58 anos, eram pais adotivos do adolescente.

    Ainda de acordo com a PM, o jovem disse que decidiu cometer os crimes depois de ter tido um desentendimento com a mãe na última quarta-feira (22).

    Em nota, a Polícia Civil informou que o jovem foi levado à Delegacia de Homicídios da Capital (DHC) e apreendido em flagrante pelo crime.