Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Novo ciclone extratropical derruba temperatura e provoca fortes ventos no RS nesta sexta

    Fenômeno provoca frente fria que se desloca para o Sudeste no final de semana, segundo institutos de meteorologia

    Chuva na cidade de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul
    Chuva na cidade de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul Evandro Leal/Enquadrar/Estadão Conteúdo

    Da CNN

    São Paulo

    Um novo ciclone extratropical se formará no Sul do país na sexta-feira (18) e provocará a redução da temperatura, segundo institutos de meteorologia.

    A previsão é de mínimas por volta de 5ºC, pancadas de chuva e até queda de granizo, além de ventos que podem chegar aos 70km/h no Rio Grande do Sul. Os estados de Santa Catarina, Paraná também serão afetadas. Há ainda a possibilidade de que ele atinja o sul de Mato Grosso do Sul, no Centro-Oeste.

    Diferentemente dos últimos eventos climáticos desse tipo, o ciclone se formará sobre o oceano, próximo às costas da Argentina e do Uruguai, e não vai chegar de fato aos estados, segundo o Centro de Pesquisas e Previsões Meteorológicas da Universidade Federal de Pelotas (CPPMet/UFPel).

    O principal efeito deste ciclone será o impulsionamento de uma frente fria, levando o ar polar para o continente. Durante a passagem dela, áreas de instabilidade irão atuar provocando chuvas, trovoadas, possibilidade de rajadas de vento moderadas a fortes e eventual queda de granizo.

    Para a navegação marítima, de acordo com CPPMet/UFPel, é recomendável manter cautela e consultar as recomendações da Marinha do Brasil.

    Frente fria avança ao Sudeste no fim de semana

    A frente fria começa a perder força nos estados do Sul a partir do sábado, quando rajadas de ventos deverão atingir mais o litoral do Rio Grande do Sul, mas sem passar de 60 km/h.

    No entanto, a frente fria avançará em direção ao Sudeste. No final de semana, é esperada chuva forte do norte gaúcho até as áreas de São Paulo que fazem divisa com Paraná e também grande parte de Mato Grosso do Sul, segundo a Climatempo.

    Além da chuva forte, as rajadas de vento se espalham e podem chegar aos 60km/h também em São Paulo, no Rio de Janeiro, sul do Triângulo Mineiro, Mato Grosso do Sul, sul de Mato Grosso e sul de Goiás.

    Somente do litoral gaúcho ao Rio de Janeiro, os ventos podem ficar ainda mais intensos, chegando aos 80 km/h no final de semana.

    *Publicado por Pedro Jordão, da CNN

    VÍDEO – Entenda como se comporta um ciclone extratropical