Onça é resgatada de incêndio no Pantanal; animal sofreu ferimentos graves

O animal chegou no local com queimaduras de terceiro grau nas quatro patas e problemas renais decorrentes da desidratação

Onça-pintada resgatada de incêndio no Mato Grosso
Onça-pintada resgatada de incêndio no Mato Grosso Foto: Willian Gomes/Secomm UFMT

Guilherme Venaglia, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Uma onça-pintada fêmea foi resgatada na cidade de Poconé (MT) após escapar de um incêndio florestal na região do Pantanal. O animal foi encontrado com ferimentos graves e suspeita de ter inalado a fumaça do incêndio.

A onça foi transferida para Cuiabá, onde está sendo atendida no Hospital Veterinário da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT). Ela chegou ao local com queimaduras de terceiro grau nas quatro patas e problemas renais decorrentes da desidratação.

Assista e leia também:

Tempo seco provoca onda de queimadas no Pantanal

Pantanal: dormitório das araras-azuis é preservado, mas fogo acaba com entorno

Para tentar minimizar os impactos do incêndio sobre a fauna da região, foi organizada uma força-tarefa com técnicos da Secretaria do Meio Ambiente, policiais, bombeiros, representantes do Ibama e médicos veterinários do centro de pesquisa da UFMT.

Foi esse agrupamento que encontrou a onça-pintada, depois que o animal se refugiou em uma propriedade privada na região, para fugir do fogo e da fumaça.

Segundo nota da UFMT, o estado de saúde da onça-pintada é considerado “delicado”. A preocupação dos técnicos é montar um ambulatório para o atendimento emergencial dos animais silvestres resgatados.

Onça-pintada resgatada de incêndio no Mato Grosso
Onça-pintada resgatada de incêndio no Mato Grosso
Foto: Willian Gomes/Secomm UFMT

Mais Recentes da CNN