Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    PF faz operação contra caça clandestina em territórios indígenas no Maranhão

    Duas pessoas foram presas em flagrante; polícia apreendeu armas, munições e caça abatida

    Arma e munições apreendidas durante operação no Maranhão
    Arma e munições apreendidas durante operação no Maranhão Divulgação/PF

    Beatriz Alvesda CNN*

    Em São Paulo

    A Polícia Federal realizou nesta terça-feira (11) uma operação que visa combater a prática de caça ilegal em terras indígenas no Maranhão.

    Durante a operação, denominada Memortunré-Kanela, foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão contra suspeitos de praticarem o crime em Fernando Falcão (MA), município localizado a cerca de 550 quilômetros da capital São Luís.

    Os agentes constataram que a construção de uma estrada que cortava o território indígena intensificou a invasão de caçadores e elevou os conflitos com os povos originários.

    A PF diz que alguns suspeitos foram identificados invadindo a terra indígena para matar animais silvestres, gerando tensão com os moradores da região, além de colocar em risco a subsistência alimentar da comunidade.

    Duas pessoas foram presas em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso permitido. Munições, caça abatida e armas de fogo foram apreendidas.

    Os investigados poderão responder pelos crimes de matar, caçar, apanhar, perseguir, utilizar espécimes da fauna silvestre sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade. Além do crime de posse de arma de fogo, a depender das circunstâncias a serem esclarecidas durante o inquérito policial.

    * Sob supervisão