Previsão de queda do PIB, voos abaixo de R$ 300 e mais da tarde de 10 de agosto

5 Fatos Tarde, apresentado por Luciana Barreto, traz as principais notícias do Brasil e do mundo 

Da CNN

Ouvir notícia

A nova previsão para o Produto Interno Bruto (PIB) em 2020 e a queda no valor médio das passagens aéreas em meio à crise causada pela pandemia da Covid-19 estão entre os destaques do 5 Fatos Tarde desta segunda-feira, 10 de agosto de 2020. 

Focus

Os economistas do mercado financeiro reduziram a previsão para queda do PIB de 2020, revisando a estimativa para 5,62%. Essa foi a sexta semana seguida de melhora do indicador. A projeção faz parte do Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central com dados junto a mais de 100 instituições financeiras.

Aviação

Em 2020, pela primeira vez na história, o preço médio para voar dentro do Brasil está abaixo de R$ 300. O levantamento feito pela CNN com dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) revelam que o valor médio das passagens domésticas está em 270 reais por trecho. Esse é o menor valor da série histórica iniciada em 2002, resultado da crise causada pelo novo coronavirus que deixou os aeroportos vazios.

Pauta ambiental

O governo de São Paulo escolheu a cidade alemã de Munique para abrir, em 2021, o terceiro escritório internacional do estado. A abertura está prevista para junho. Segundo o colunista de política Iuri Pitta, da CNN, o governador João Doria (PSDB) também busca se distanciar da agenda ambiental de Jair Bolsonaro (sem partido) já que as políticas federais para o setor estão sob forte questionamento da comunidade internacional.

Flávio Bolsonaro

O Ministério Público do Rio de Janeiro investiga transações imobiliárias feitas pelo senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) que envolvem pelo menos 20 imóveis comprados entre 2007 e 2017, quando ele era deputado estadual. Em depoimento aos promotores, o atual senador admitiu ter usado dinheiro vivo em pelo menos duas transações, o que, segundo os investigadores, é indício de crime de lavagem de dinheiro.

Covid-19

A OMS afirmou nesta segunda-feira que a pandemia do novo coronavírus continua em nível elevado no Brasil. Além disso, com entre 50 mil e 60 mil casos por dia, a OMS considera que os sistemas de saúde brasileiros continuam sob pressão e que a doença continua se espalhando ativamente na maior parte do país.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

 

Mais Recentes da CNN