Rede estadual de educação do Rio confirma volta das aulas 100% presenciais

Medida passa a valer a partir da próxima segunda-feira e exige uso de máscaras

Marcela Monteiroda CNN

no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Os alunos da rede estadual de educação do Rio de Janeiro voltarão às aulas presenciais a partir da próxima segunda-feira (25). A decisão foi tomada levando em consideração o alcance da campanha de vacinação contra a Covid-19 e a melhora do cenário epidemiológico.

De acordo com a secretaria estadual de Educação do Rio de Janeiro (Seeduc RJ) mais de 95% dos funcionários dos colégios receberam a primeira aplicação da vacina e mais de 85% a segunda ou a dose única. Os, aproximadamente, 730 mil estudantes da rede, jovens de 12 a 17 anos, também já iniciaram o processo de imunização.

O uso da máscara continua obrigatório. Todas as unidades também deverão seguir as regras sanitárias municipais e estaduais. O governador Cláudio Castro afirmou que o retorno presencial às aulas é “um importante marco da superação da pandemia”.

“O retorno dos estudantes às salas de aula é motivo de comemoração para a comunidade escolar, que poderá voltar a cumprir um planejamento integral e consistente de ensino. Este momento representa um importante marco na superação da pandemia, graças ao alcance de mais de 85% dos profissionais da rede estadual completamente imunizados”, comemorou.

As escolas estaduais tinham autorização para as atividades presenciais desde agosto, mas com a capacidade reduzida. O ensino híbrido (presencial e remoto) predominava.

O objetivo agora é, também, reverter o avanço da evasão escolar. Apesar da Seeduc afirmar que não é possível ainda definir o percentual desse ano, o número de estudantes infrequentes (que frequentaram menos de 75% das aulas) já chama a atenção: são 80 mil.

Campanhas de busca ativa, articulações com grêmios estudantis, reuniões virtuais com responsáveis são algumas das estratégias para tentar mudar esse cenário.

Mais Recentes da CNN