Reino Unido tem 1ª morte por Ômicron, Marco Legal das Ferrovias e mais de 13 de dezembro

5 Fatos Tarde, apresentado por Roberta Russo, repercute as principais notícias do Brasil e do mundo

Fernanda Pinottida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Reino Unido confirma a primeira morte causada pela variante Ômicron do novo coronavírus e a análise do Marco Legal das Ferrovias pela Câmara dos Deputados estão entre os destaques da tarde de 13 de dezembro de 2021.

Morte pela variante Ômicron

O Reino Unido registrou a primeira morte por Covid-19 ligada à variante Ômicron. A confirmação foi feita pelo primeiro-ministro Boris Johnson nesta segunda-feira (13). Este é o primeiro caso conhecido de morte pela Ômicron no mundo.

Fase final do Open Banking

A quarta fase do Open Banking, sistema de compartilhamento de dados financeiros supervisionado pelo Banco Central, é a última a entrar em operação e será implementada a partir da quarta-feira (15). As instituições credenciadas deverão tornar públicas as informações sobre produtos do mercado financeiro.

Ataque hacker ao Ministério da Saúde

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que os dados de posse do Ministério que foram sequestrados por hackers serão recuperados até esta terça-feira (14). O Ministério já havia comunicado que não identificou perda, mas as informações continuam bloqueadas.

Marco Legal das Ferrovias

A apreciação do Marco Legal das Ferrovias pelo plenário da Câmara dos Deputados, que inicialmente estava marcada para a última quinta-feira (9), deve acontecer nesta segunda (13).

Proposto em 2018, o Marco das Ferrovias quer alterar as regras para investimentos e funcionamento do setor.

Personalidade do ano

A revista americana “Time” escolheu Elon Musk como personalidade do ano de 2021. O empresário sul-africano de 50 anos, CEO da Tesla e fundador da SpaceX, foi reconhecido por seus investimentos em viagens espaciais e novas tecnologias.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

Mais Recentes da CNN