SP distribuirá cartão com R$ 100 para pessoas vulneráveis fazerem compras

Cerca de 50 mil famílias serão beneficiadas com os repasses mensais

Consumidor analisa opções de arroz em supermercado no Rio de Janeiro
Consumidor analisa opções de arroz em supermercado no Rio de Janeiro Foto: Pilar Olivares - 10.set.2020/ Reuters

Weslley Galzo, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O governo do estado de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (5) o lançamento do Cartão Alimento Solidário Superessencial, um projeto elaborado com o intuito de disponibilizar R$ 100,00 mensais para famílias vulneráveis comprarem alimentos em redes de supermercados cadastradas no programa.

A iniciativa íntegra o programa de ações do Plano Alimentar Estadual e o Projeto Alimento Solidário da Secretaria de Desenvolvimento Social. Segundo o governo estadual, cerca de 50 mil famílias serão beneficiadas com os cartões magnéticos. 

O projeto foi elaborado pelo governo do estado em parceria com a Associação Paulista de Supermercados (APAS) e o Comitê Empresarial Solidário. A secretária de Desenvolvimento Social, Célia Parnes, enfatizou que o cartão permite ao beneficiário fazer as suas próprias escolhas de como gastar os recursos nos supermercados.

“Nós sabemos que nas pequenas e grandes cidades do nosso estado, a fome tem rondado os lares mais vulneráveis das comunidades e das periferias. São homens, mulheres e crianças que quando tem o que comer prejudicaram a qualidade do alimento pela falta de renda. Não é só a fome que mata. A fome também mata”, afirmou Célia Parnes. “É um gesto de respeito e que dignifica que o recebe”.

 

Mais Recentes da CNN