Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    SP terá nova campanha de vacinação para Covid em janeiro de 2022, diz secretário

    Vacinação começa em 17 de janeiro de 2022, um ano após a primeira dose da vacina dada no Brasil

    Anthony Wells, da CNN

    Ouvir notícia

    O Estado de São Paulo vai iniciar uma nova campanha de vacinação contra Covid-19 em 17 de janeiro do ano que vem, um ano após a primeira aplicação de um imunizante contra a doença no Brasil, disse nesta segunda-feira (19) o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn. 

    “Essa nova fase para a imunização contra a Covid irá se iniciar no dia 17 de janeiro do ano que vem, que foi exatamente o primeiro dia que nós vacinamos o primeiro brasileiro aqui de São Paulo, Monica Calazans“, afirmou ele, citando o nome da enfermeira que recebeu a primeira aplicação de uma vacina contra a Covid no Brasil em janeiro deste ano.

    “Isto não é reforço, isto é uma necessidade que nós temos de estar sempre anualmente fazendo uma proteção”, acrescentou ele em entrevista coletiva na sede do Butantan, onde um novo lote de 1 milhão de doses da coronavac foi entregue ao Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde.

    Gorinchteyn disse esperar que o Ministério da Saúde terá o mesmo entendimento do governo paulista de iniciar uma nova campanha de vacinação contra a Covid-19 em 2022, ao mesmo tempo que enfatizou que será realizada no Estado de São Paulo.

    “O Estado de São Paulo seguramente vai iniciar uma nova fase de vacinação para a Covid a partir de 17 de janeiro do próximo ano”, garantiu.

    Segundo o secretário, a velocidade da vacinação contra o coronavírus no ano que vem será maior do que a da campanha deste ano.

    Isso porque, segundo ele, o Instituto Butantan estará, em 2022, com produção 100% nacional de duas vacinas: a coronavac, do laboratório chinês Sinovac, e a butanvac, que está atualmente em fase de testes.

    Com a entrega desta segunda-feira, o Butantan chega a 56 milhões de doses do imunizante entregues ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) e mantém a promessa de totalizar 100 milhões de doses entregues até o final de agosto.

    Produção de vacina Coronavac no Butantan
    Produção de vacina Coronavac no Butantan -22/1/2021
    Foto: Amanda Perobelli/Reuters

    *Com informações da Reuters.

    Mais Recentes da CNN