Sudeste tem o maior número de queimadas no mês de setembro em 10 anos, aponta Inpe

Nordeste também teve mais incêndios do que a média; já as regiões Norte, Centro-Oeste e Sul registraram índices menores

Paula NobreVictória Cócoloda CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

Setembro ainda nem acabou e o número de queimadas na região Sudeste já é o maior registrado no mês de setembro em 10 anos, segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Até o momento, foram registrados 7.039 focos de incêndio. A média de queimadas para o mês é de 4.449.

A última vez que o número atingiu a casa dos 7 mil foi em setembro de 2011, com 7.760 focos.

De acordo com especialistas, a causa do alto número é a combinação entre o clima seco e a ação humana, como o uso de fogo no preparo de solo ou queima de pastagem.

A região Nordeste também teve mais incêndios do que a média. As regiões Norte, Centro-Oeste e Sul registraram índices menores do que o de costume.

No Brasil, os estados com mais queimadas foram Acre, Minas Gerais, Espirito Santo, Bahia, Piauí, Goiás, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Ceará, Paraíba e Distrito Federal.

Mais Recentes da CNN