Familiares, amigos e admiradores lamentam a morte de Arnaldo Jabor

O jornalista e cineasta morreu nesta terça-feira (15) em decorrência de complicações de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), aos 81 anos

O cineasta, escritor, crítico e colunista, Arnaldo Jabor, posa para foto durante entrevista concedida em São Paulo, em março de 1995.
O cineasta, escritor, crítico e colunista, Arnaldo Jabor, posa para foto durante entrevista concedida em São Paulo, em março de 1995. MILTON MICHIDA

Luana Franzãoda CNN*

Em São Paulo

Ouvir notícia

O jornalista e cineasta Arnaldo Jabor morreu nesta terça-feira (15) em decorrência de complicações de um Acidente Vascular Cerebral (AVC), aos 81 anos.

Ele fez parte do Cinema Novo, que levou questões sociais e políticas para as telas do cinema. “Toda Nudez Será Castigada” (1972), uma adaptação de uma das obras de Nelson Rodrigues, é uma de suas obras mais famosas.

Como jornalista, suas críticas, artigos e colunas abordando cultura e variados temas ficaram marcados.

Nas redes sociais, diversas personalidades manifestaram admiração e pesar pela morte de Jabor. Confira:

  • Luciano Huck

  • Fernando Molica

  • Randolfe Rodrigues

  • Fernanda Paes Leme

  • José de Abreu

  • PSDB

  • João Doria

  • Eduardo Paes

  • João Barone

  • Eduardo Suplicy

  • Lucas Salles

 

Mais Recentes da CNN