Cotado para MEC, secretário de Educação do PR se reúne com Bolsonaro nesta terça

Nome de Renato Feder é defendido pela ala militar do governo, que considera o perfil dele como técnico

Por Igor Gadelha, CNN  
22 de junho de 2020 às 09:54
Renato Feder, secretário de Educação do Paraná:
Foto: Divulgação/Facebook Renato Feder


Cotado para assumir o Ministério da Educação, o secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, foi chamado para um encontro com o presidente Jair Bolsonaro nesta terça-feira (23) em Brasília. 

Conforme antecipou no sábado (20) o âncora Caio Junqueira, Feder foi sondado por auxiliares de Bolsonaro para suceder o agora ex-ministro Abraham Weintraub no MEC. 

O nome do secretário é defendido pela ala militar do governo, que considera o perfil dele como “técnico” – empresário do ramo da tecnologia, ele já foi professor de matemática e diretor de escola. 

Por outro lado, Feder é criticado, nos bastidores, por deputados federais bolsonaristas do Paraná. A crítica é principalmente à gestão dele à frente da secretaria estadual de Educação, considerada como “fraca”.

À CNN, três parlamentares paranaenses lembram que, em janeiro deste ano, o governador Ratinho Júnior (PSD) ordenou trocas na equipe de Feder para melhorar a gestão da pasta.