Flávio Bolsonaro presta depoimento nesta segunda sobre suposto vazamento na PF

Na condição de testemunha, Flávio usou a prerrogativa de marcar data e hora. Um procurador da República irá ao encontro dele, em Brasília

Basília Rodrigues
Por Basília Rodrigues, CNN  
19 de julho de 2020 às 09:00 | Atualizado 20 de julho de 2020 às 06:09
Senador Flávio Bolsonaro em Brasília
Foto: Adriano Machado - 16.jul.2019/Reuters

O senador Flávio Bolsonaro vai prestar depoimento nesta segunda-feira sobre o suposto vazamento da Operação Furna da Onça da Polícia Federal, que identificou movimentação  suspeita de R$ 1,2 milhão nas contas do ex-assessor Fabrício Queiroz.

Na condição de testemunha, Flávio usou a prerrogativa de marcar data e hora. Será às 14 horas, desta segunda. Um procurador da República irá ao encontro dele, em Brasília. 

Leia também:
Ao STF, defesa de Flávio Bolsonaro diz que senador "nunca perdeu" foro especial
Defesa de Fabrício Queiroz avalia questionar no Supremo legalidade de prisão

A acusação de que houve vazamento da operação veio à tona após uma entrevista do empresário Paulo Marinho, ex-aliado de Bolsonaro. Marinho é suplente de Flávio e o acusa de ter sido avisado por um delegado da PF, "fã da família Bolsonaro", em 2018, de que haveria uma operação sobre movimentações suspeitas na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro. Foi após essa operação que Flávio afastou Queiroz do cargo.

Em nota, a defesa do senador afirma que é falsa a acusação de que soube antes da operação; e que a verdade deve ser restaurada o mais rápido possível.