Bolsonaro recebe alta de hospital em São Paulo


Murillo Ferrari, da CNN, em São Paulo
26 de setembro de 2020 às 13:35 | Atualizado 26 de setembro de 2020 às 15:52

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) recebeu alta médica às 13h30 deste sábado (26), pouco mais de 24 horas depois de passar por cirurgia para retirar um cálculo na bexiga.

A alta médica do presidente foi informada pelo Hospital Israelita Albert Einstein, onde ele foi operado, em nota assinada pelos médicos que o operaram.

Mais cedo, o presidente afirmou à CNN que está 100% e que esperava deixar o hospital ainda neste sábado. Ele ainda explicou a escolha para a data da operação.

Assista e leia também:

Correspondente Médico: Quais os riscos do cálculo renal e como prevenir?

Aprovação de Bolsonaro sobe para 40%, segundo pesquisa CNI/Ibope

"Por que operei numa sexta-feira? Para não perder dois ou três dias úteis. Tenho muito trabalho. Por isso que achei melhor fazer a cirurgia no final de semana", ressaltou.

O presidente deu entrada no hospital Albert Einstein por volta das 7h de sexta-feira (25) para a remoção do cálculo. A cirurgia, considerada simples, durou uma hora e meia e, de acordo com boletim médico, o presidente não apresentou complicações.

No final de agosto, o presidente havia antecipado à CNN a informação de que estava com uma pedra na bexiga pouco maior que um grão de feijão e que iria retirá-la no mês de setembro.

Boletim do hospital Albert Einstein confirma alta do presidente Jair Bolsonaro

Boletim médico do hospital Albert Einstein confirma alta médica do presidente Jair Bolsonaro

Foto: Divulgação/ Hospital Israelita Albert Einstein

Essa é a quinta cirurgia a que Jair Bolsonaro foi submetido desde que levou uma facada em Juiz de Fora, Minas Gerais, ainda como candidato à presidência em 2018.

A primeira cirurgia, de emergência, foi feita ainda em Juiz de Fora (MG), onde ocorreu o ataque contra ele. Depois foram realizadas intervenções em São Paulo, para desobstrução intestinal, para a retirada de uma colostomia e para a correção de uma hérnia.

(Com informações de Leandro Magalhães, da CNN, de Brasília)