Ibope em SP: Covas tem 58% dos votos válidos em São Paulo e Boulos, 42%

Na margem de erro, candidato do PSDB tem entre 55% e 61%; o postulante do PSOL, entre 39% e 45%.

Guilherme Venaglia, da CNN, em São Paulo
18 de novembro de 2020 às 18:45 | Atualizado 18 de novembro de 2020 às 19:23

 

Pesquisa do instituto Ibope divulgada nesta quarta-feira (18) traz o candidato Bruno Covas, do PSDB, à frente das intenções de voto no segundo turno pela prefeitura de São Paulo.

Segundo o instituto, Covas possui 47% das intenções de voto, o equivalente a 58% dos votos válidos. Já o adversário Guilherme Boulos, do PSOL, possui 35% das intenções de voto, que equivalem a 42% dos válidos.

Dentro do limite da margem de erro, Covas tem entre 55% e 61%. Boulos, entre 39% e 45% das intenções de votos válidos.

Assista e leia também:

Quem os candidatos derrotados vão apoiar no 2º turno para a prefeitura de SP
PT, PSDB, PSOL e DEM serão mais de 50% da Câmara de SP; veja bancadas

Guilherme Boulos (PSOL) e Bruno Covas (PSDB) são adversários no 2º turno pela prefeitura de São Paulo
Foto: Reprodução/Facebook e Patrícia Cruz/Fotos Públicas


Os votos válidos são aqueles que excluem votos nulos, em branco e indecisos. Para ser eleito, o candidato deve ter metade mais um dos votos válidos na cidade. Os votos nulos e em branco são contabilizados, mas não interferem no resultado.

De acordo com o Ibope, brancos e nulos são 14% e os que não sabem ou não responderam são 4% do eleitorado.

A pesquisa Ibope foi feita entre os dias 16 e 18 de novembro de 2020, ouvindo 1.001 eleitores na cidade de São Paulo. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%.

Os contratantes da pesquisa são a TV Globo e o jornal O Estado de S.Paulo.

O nível de confiança significa que, se a pesquisa fosse refeita 100 vezes, a estimativa é que em 95 vezes os resultados estariam dentro do intervalo da margem de erro. O levantamento foi registrado na Justiça Eleitoral sob a identificação SP-05645/2020.