Alcolumbre ganha apoio para atrasar sabatina de André Mendonça no Senado

Indicado de Bolsonaro ao STF segue sem data para ser sabatinado na CCJ

Da CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), recebeu apoio expressivo para atrasar a data da sabatina de André Mendonça, indicado ao Supremo Tribunal Federal (STF). As informações são da âncora da CNN Daniela Lima.

Em Brasília, o parlamentar passou a ser apoiado nesta posição por alas importantes do MDB. Em recentes reuniões, ele foi categórico que pretende postergar ao máximo a sabatina do indicado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) à corte.

O grupo de senadores contra o nome de Mendonça entende que ele não seria o nome ideal ao STF. Para os parlamentares, uma alternativa seria a do procurador-geral da República, Augusto Aras.

Alcolumbre já afirmou que não há consenso sobre o indicado de Bolsonaro. Segundo ele, a demora na sabatina “não é anormal, porque o processo de escolha e aprovação sempre foi complexo, mas como todo processo de índole política, não se desenrola apenas por meio de meros procedimentos formais, mas tem lugar na realidade cotidiana das atividades dos membros do Senado Federal”.

(Publicado por Marina Motomura)

Mais Recentes da CNN