Alexandre Garcia: Decisão de Pacheco sobre rumo da CPI da Covid-19 é confusa

No quadro Liberdade de Opinião, Alexandre Garcia analisou a decisão do presidente do Senado de não incluir atuação de prefeitos e governadores em CPI

Da CNN, São Paulo

Ouvir notícia

No quadro Liberdade de Opinião desta quarta-feira (14), Alexandre Garcia analisou a decisão do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), que não incluiu a investigação de prefeitos e governadores na CPI da Covid. Na leitura do ato de criação da CPI, Pacheco determinou que seja apurado as ações do governo federal e o uso de recursos da União repassados a estados e municípios.

“Parece uma saída sábia, mas foi confusa. Tem uma CPI com 33 assinaturas para investigar o governo federal e tem outra com 45 para investigar todo mundo, e o presidente do Senado explica que não pode investigar governadores e prefeitos, seguindo regimento interno”, disse Garcia.

“Mais uma vez, determinações dizendo que a União não pode se meter em estados e municípios. 
Se vai ser investigado o destino da verba federal que foi pra estados e municípios, não se pode investigar governadores? Está muito confuso. Afinal, a PF já tem 61 inquéritos que tem como alvo governadores e prefeitos, e o TCU está de olho nisso”, completou o jornalista.

O Liberdade de Opinião tem a participação de Sidney Rezende e Alexandre Garcia. O quadro vai ao ar diariamente na CNN.

Alexandre Garcia no quadro Liberdade de Opinião
Alexandre Garcia no quadro Liberdade de Opinião
Foto: CNN Brasil (14.abr.2021)

As opiniões expressas nesta publicação não refletem, necessariamente, o posicionamento da CNN ou seus funcionários.

Mais Recentes da CNN