Alexandre Garcia: Ministro Fux pressupõe que terá violência nos atos de 7 de setembro

No quadro Liberdade de Opinião desta sexta-feira (3), o jornalista avaliou as declarações do presidente Bolsonaro e do presidente do STF às vésperas das manifestações que ocorrerão em 7 setembro

Da CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

No quadro Liberdade de Opinião desta sexta-feira (3), o jornalista Alexandre Garcia avaliou as declarações do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, às vésperas das manifestações que ocorrerão em 7 setembro. Durante a abertura da sessão desta quinta (2), Fux fez um pronunciamento em defesa da democracia. Mais tarde, Bolsonaro garantiu que ninguém precisa temer os atos

“Eu me senti tutelado com a fala do ministro Fux, um brilhante juiz, de brilhante carreira. Parecia que estava dando conselhos de como “comporta-se”. Todo mundo está falando em democracia, o pessoal que está com medo de 7 de setembro, que tem urticária ao se falar em liberdade e em acabar com a censura, eu acho que é de uma natureza totalitária”, disse o jornalista.

“Ele [Luiz Fux] fala ‘os cidadãos agirão em suas manifestações com senso de responsabilidade cívica, direito institucional, cientes das consequências jurídicas de seus atos’. Parece uma ameaça, e para quê? Parece que já está pressupondo que terá violência em 7 de setembro. Parece que está querendo assustar as pessoas para o 7 de setembro, para ficarem em casa. Os cidadãos não precisam de tutela, os cidadãos são os titulares do poder.”

O Liberdade de Opinião tem a participação de Fernando Molica e Alexandre Garcia. O quadro vai ao ar diariamente na CNN.

Alexandre Garcia no quadro Liberdade de Opinião
Alexandre Garcia no quadro Liberdade de Opinião / CNN Brasil (03.set.2021)

As opiniões expressas nesta publicação não refletem, necessariamente, o posicionamento da CNN ou seus funcionários.

 

Mais Recentes da CNN