Mandetta pode ser ouvido pela Câmara nesta quarta

O ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta em entrevista coletiva
O ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta em entrevista coletiva Foto: Adriano Machado/Reuters (7.abr.2020)

Chico Prado

Da CNN, em Brasília

Ouvir notícia

No dia em que o ministro da Saúde sofre com rumores de demissão, a comissão externa da Câmara dos Deputados que discute ações de combate à pandemia do novo coronavírus pretende ouvir Luiz Henrique Mandetta.

O colegiado se reúne a partir das 9h30, no plenário três da Casa, para debater as iniciativas que estão em análise, para a definição de projetos que já têm acordo entre lideranças partidárias e que poderão ser encaminhados ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, para inclusão na pauta do Plenário.

O coordenador da comissão, deputado Dr. Luiz Antonio Teixeira Jr. (PP-RJ), confirmou que Mandetta pode ser ouvido partir das 14 horas desta quarta. 

A informação, no entanto, foi dada antes da reunião de ontem (14) entre o presidente Jair Bolsonaro e ministros, incluindo o chefe da Saúde. 

Durante todo o dia, os rumores da demissão de Mandetta ganharam força e discussão em torno de um nome substituto ao dele passou a pautar o noticiário. 

A conversa de Luiz Henrique Mandetta com deputados da comissão está prevista para acontecer por meio de videoconferência.

Na pauta oficial, estão assuntos como questões ligadas a pessoas com deficiência, a falta de EPIs (equipamentos de proteção individual, como máscaras e capotes) e a dificuldade de testagem da COVID-19 no Brasil, o que leva à subnotificação de casos. 

Ainda segundo o coordenador, a comissão externa deverá realizar em breve três audiências públicas para debater, além da situação de EPIs e da testagem, protocolos de tratamento e terapias usadas no combate ao novo coronavírus, o que envolve medicamentos como a hidroxicloroquina, a dexametasona e o plasma convalescente, entre outros.

Mais Recentes da CNN