Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Antony Blinken chega ao Brasil em meio à crise diplomática entre Lula e Israel

    Secretário de Estado dos EUA se encontra com Lula no Palácio do Planalto nesta quarta-feira, pela manhã

    Carol Rositoda CNN

    Brasília

    O secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, chegou ao Brasil na noite desta terça-feira (20) para se reunir com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em Brasília, e participar de reunião de ministros das Relações Exteriores do G20, no Rio de Janeiro.

    O chefe da diplomacia dos EUA desembarcou na Base Aérea de Brasília às 20h30 e foi recebido, em tapete vermelho, pelo representante do protocolo do Itamaraty, Orlando Timpone, pelo chefe do departamento da América do Norte do Itamaraty, Cristiano Figueiredo, e pela Embaixadora dos EUA no Brasil, Elizabeth Bagley.

    Na quarta-feira (21), Lula e Blinken vão se reunir, pela manhã, no Palácio do Planalto, para discutir as questões bilaterais e globais entre Brasil e Estados Unidos.

    O encontro, no entanto, ganhou mais relevância no cenário internacional porque acontece em meio a uma crise diplomática entre Brasil e Israel.

    A expectativa é que os dois conversem sobre o conflito. Isso porque, como secretário, Blinken tem atuado na negociação entre países para tentar acabar com a guerra.

    No último domingo (18), Lula comparou os ataques de Israel aos palestinos na Faixa de Gaza ao Holocausto promovido pela Alemanha nazista contra judeus, durante Segunda Guerra mundial.

    A declaração teve forte repercussão internacional. O governo israelense, que tem o apoio militar dos EUA, declarou Lula “persona non grata” até que o petista se retrate.

    Em resposta, o governo brasileiro mandou o embaixador em Israel, Frederico Meyer, retornar de Tel Aviv para o Brasil.

    Como parte da visita ao Brasil, o secretário também viajará na quarta-feira (21) para o Rio de Janeiro para participar de reuniões do G20, que reúne ministros das Relações Exteriores das maiores economias do mundo. O Brasil presidente o G20 neste ano.

    Após o encontro, a comitiva norte-americana seguirá para Buenos Aires, na Argentina, onde o secretário Blinken se encontrará com o presidente argentino Javier Milei.