Após polêmica sobre vacinação, Guedes cancela participação em evento da CNT

Ex-presidente da Confederação teria se vacinado contra a Covid-19 de maneira clandestina

O ministro da Economia, Paulo Guedes
O ministro da Economia, Paulo Guedes Foto: Alan Santos/PR (22.set.2020)

Anna Russi e Igor Gadelha, da CNN, em Brasília

Ouvir notícia

Dois dias depois de virem a público informações de que o ex-presidente da Confederação Nacional de Transportes (CNT), junto com um grupo de empresários de Minas Gerais, se vacinou de maneira clandestina, o ministro da Economia, Paulo Guedes, cancelou sua participação no seminário virtual da CNT.

A CNN apurou que a desistência do ministro no debate, inclusive sem mandar nenhum representante da equipe em seu lugar, é em razão da polêmica que envolve Andrade. A participação de Guedes no seminário “Conjuntura Econômica: Reformas, Privatizações e Transporte” estava prevista para às 15h desta sexta sexta-feira (26).

Oficialmente, a assessoria de imprensa da pasta disse não saber o motivo do cancelamento da participação de Guedes. No entanto, foi confirmado que não entrou nenhum outro compromisso na agenda do ministro no horário do evento.

Mais Recentes da CNN