Bolsonaro convida senador do DEM para vice-liderança do governo

Convite foi feito nesta quarta-feira (19), no almoço que Bolsonaro realizou no Palácio do Planalto com várias lideranças dos partidos do Centrão e da direita

Senador Marcos Rogério
Senador Marcos Rogério Foto: Pedro França/Agência Senado - 18/08/2020

Rudá Moreira, da CNN, em Brasília

Ouvir notícia

O senador Marcos Rogério (DEM-RO) foi convidado pelo próprio presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para assumir um dos postos na vice-liderança do governo.

Uma fonte próxima ao senador revelou à CNN que o convite foi feito nesta quarta-feira (19), no almoço que Bolsonaro realizou no Palácio do Planalto com várias lideranças dos partidos do Centrão e da direita – incluindo nomes do MDB e do PSL.

Leia também:

O que é o Centrão, o grupo que domina o Congresso e se aproximou de Bolsonaro

‘Próximo ao Centrão, Bolsonaro obtém base para aprovar projetos’, diz novo líder

Presidente do PSDB diz que partido não quer liderar o Centrão

O evento ocorreu em meio ao movimento de trocas na liderança da articulação política no Congresso iniciado com a indicação de Ricardo Barros, do Progressistas, como líder na Câmara.

Marcos Rogério, atualmente, é o primeiro vice-líder do partido dele, o Democratas (DEM) – mesma legenda dos presidentes do Senado, Davi Alcolumbre, e da Câmara, Rodrigo Maia.

O DEM é um partido que, apesar de ainda possuir dois ministros no Executivo (Onyx Lorenzoni, da Cidadania, e Tereza Cristina, da Agricultura), não faz parte da base governista.

Mais Recentes da CNN