Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Bolsonaro mantém popularidade em meio a cerco jurídico, mostra pesquisa AtlasIntel

    Bolsonaro ainda mantém sua base eleitoral apesar das investigações sobre ele e seu entorno

    Caio Junqueirada CNN

    São Paulo

    Pesquisa AtlasIntel feita com exclusividade para a CNN mostra que, a despeito das investigações, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) continua sendo uma força política relevante no país.

    O instituto perguntou em quem o entrevistado votaria se a eleição presidencial fosse acontecer no próximo domingo — e que tivesse Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL) como candidatos.

    • 48,1% votariam em Lula
    • 40%, em Bolsonaro
    • Simone Tebet (MDB) teria 2,1% dos votos
    • Ciro Gomes (PDT), ficaria com 1,7%

    VÍDEO – Análise: O poder de transferência de votos de Lula e Bolsonaro

    A pesquisa também perguntou em quem os eleitores votariam num cenário de segundo turno entre Lula e Bolsonaro.

    • Lula ganharia com 51,2%
    • Bolsonaro teria 41,5%.

    Há 10 meses, no segundo turno da eleição de 2022, Lula obteve 50,9% dos votos ante 49,1% para Bolsonaro, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

    Influência de Lula e Bolsonaro

    A pesquisa também apontou que, para 46,2% dos entrevistados, o apoio de Lula e de Bolsonaro é relevante para definir em quem votaria.

    Para os eleitores de Bolsonaro, chega a ser maior: 50,2% disseram ser muito importante. Dos que votaram no petista em 2022, 44,3% disseram ser muito importante o apoio de Lula.

    A AtlasIntel também pesquisou a imagem de lideranças políticas.

    Em nível nacional, Bolsonaro tem uma imagem positiva para 43%, atrás de Lula (52%), Tarcísio de Freitas (46%) e Simone Tebet (44%).

    Ele tem a mesma avaliação de Fernando Haddad (43%), e conquistou um resultado superior aos de Marina Silva (39%) e Flávio Dino (37%).

    O questionário foi feito com 1.232 respondentes e tem margem de erro de 2 pontos para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95% e o período de coleta foi nos dias 23 e 24 de agosto.