Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Câmara faz um minuto de silêncio por mãe e três filhas encontradas mortas em casa em MT

    Medida foi uma iniciativa do deputado Abilio Brunini (PL-MT)

    Douglas Portoda CNN* em São Paulo

    O plenário da Câmara dos Deputados fez um minuto de silêncio, nesta terça-feira (28), em homenagem a uma mãe e três filhas que foram encontradas mortas dentro de casa, na cidade de Sorriso, a cerca de 400 km da capital Cuiabá, em Mato Grosso. O criminoso trabalhava em uma obra ao lado da casa das vítimas e confessou o delito.

    A medida foi uma iniciativa do deputado Abilio Brunini (PL-MT). “O que mais nos frustra é que assassino cruel já deveria ter sido preso antes, pois havia duas condenações em aberto em Lucas do Rio Verde, em Goiás”, disse o parlamentar.

    Cleci Calvi Cardoso, de 46 anos, Miliane Calvi Cardoso, de 19 anos, e duas menores, de 10 e 13 anos, foram encontradas com marcas de ferimentos causados por arma branca e ferimentos profundos no pescoço.

    Segundo a Polícia Civil de Mato Grosso, o autor dos crimes tem histórico de violência doméstica e foi encaminhado à Delegacia de Sorriso, onde foi ouvido em interrogatório pelo delegado Bruno França Ferreira.

    Em confissão, o homem relatou que, depois de esfaquear três vítimas, ele cometeu abuso sexual contra a mãe e duas filhas. A menor de 10 anos morreu asfixiada, de acordo com a Polícia Civil.

    Com o criminoso preso em flagrante, foi encontrada uma peça íntima de uma das vítimas, que será encaminhada à Perícia Oficial e Identificação Técnica de Mato Grosso.

    Em nota, a Delegacia da Polícia Civil de Sorriso declarou que está empenhada em esclarecer o crime. As diligências seguem para reunir informações e apurar se há outras pessoas envolvidas nos assassinatos.

    *Com informações de Catarina Nestlehner, da CNN