Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ciro Gomes tem imóvel penhorado para garantia de pagamento de indenização a Fernando Holiday

    Defesa de vereador alega que valor devido ultrapassa R$ 98 mil; Ciro Gomes foi derrotado em primeira instância após ter chamado o vereador de "capitãozinho do mato"

    Bruno LaforéLetícia Britoda CNN

    em São Paulo

    A Justiça de São Paulo determinou a penhora de um imóvel situado em Sobral, no Ceará, registrado em nome do ex-ministro e ex-candidato à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT). A medida foi tomada para garantir o pagamento de indenização por danos morais ao vereador da capital paulista Fernando Holiday (Republicanos).

    A decisão foi proferida pela juíza Ligia Dal Coletto Bueno, da 1ª Vara do Juizado Especial Cível, no dia 2 de fevereiro deste ano. A magistrada pede que o valor de mercado do imóvel seja levantado por três diferentes corretores imobiliários e que anúncios publicitários sejam utilizados como referências para a precificação.

    Ciro Gomes foi derrotado em primeira instância, em 20 de fevereiro de 2019, no processo de danos morais movido por Holiday, após o ex-ministro ter chamado o vereador de “capitãozinho do mato” durante uma entrevista realizada em 2018.

    A defesa de Fernando Holiday alega nos autos do processo que o valor devido como indenização é de R$ 98.723,23, considerando atualização do valor, juros e multa.

    A CNN entrou em contato com a assessoria de Ciro Gomes, mas não obteve resposta até o momento.