Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Em evento nos EUA, Bolsonaro confirma que pretende voltar ao Brasil nas “próximas semanas”

    Declaração foi feita pelo ex-presidente na noite deste sábado (11); informação sobre retorno havia sido antecipada pela CNN

    Pedro Zanattada CNN

    em São Paulo

    Durante palestra nos Estados Unidos na noite deste sábado (11), o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) confirmou que pretende retornar ao Brasil “nas próximas semanas”.

    A informação de que Bolsonaro pretendia voltar ao Brasil foi antecipada nesta semana pelo analista de política da CNN Caio Junqueira. O ex-presidente foi para os Estados Unidos pouco antes da posse de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no Palácio do Planalto.

    “Eu também quero retornar ao Brasil. Pretendo retornar ao Brasil nas próximas semanas”, disse Bolsonaro.

    “Fizemos um governo sem corrupção. Trabalhamos com o coração, com honestidade. E nós temos que enfrentar os problemas. Nós temos que, por vezes, nos arriscarmos. Vale a pena. Pode ter certeza, a maioria do povo brasileiro está conosco”, concluiu o ex-presidente.

    População Yanomami

    No mesmo evento, Bolsonaro falou sobre a crise envolvendo a população indígena Yanomami. Ele afirmou que o interesse interno contra a população gera “revolta”.

    “Tentamos, em 2021, com um projeto, libertá-los. Não conseguimos chegar ao final. A semente foi plantada. Vale a pena. Quando sobrevoei de helicóptero o Vale do Rio Cotingo, lá em Roraima… ali, em um espaço de 12 quilômetros, com uma queda de 600 metros, tem como gerar energia para metade do Brasil, pagando royalties para os indígenas. E porque tudo isso encontramos dificuldades para vencer essas barreiras, que os interesses são muitos? Entender, ver, sentir, se revoltar, se indignar com o interesse externo, tudo bem, a gente suporta. Agora, quando há o interesse interno contra esse povo, nos revolta”, disse.