Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Defesa calcula 5.000 manifestantes acampados em quartéis pelo Brasil

    Números foram apresentados pelo ministro José Múcio Monteiro na reunião ministerial desta sexta-feira (6)

    Caio Junqueira

    O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) estima haver cerca de 5.000 manifestantes acampados em frente a quartéis em todo o país, bem menos do que os 43 mil estimados no dia 19 de dezembro.

    As maiores concentrações são em Cuiabá (MT), com 500; Grande São Paulo, com 400; Salvador (BA), com 350; Curitiba (PR), com 200; e Campo Grande (MS), também com 200.

    Segundo ministros com quem a CNN conversou, os números foram apresentados pelo ministro da Defesa, José Múcio Monteiro, na reunião ministerial desta sexta-feira (6).

    Ele também defendeu a ideia de uma retirada “indolor” dos manifestantes, ou seja, sem qualquer ação liderada por forças de segurança.

    Nos últimos dias, a posição do ministro tem sido contestada por petistas e até mesmo pelo ministro da Justiça, Flávio Dino, que defendem uma ação mais ostensiva das forças de segurança para remoção de bolsonaristas.