Em jantar com Guedes e políticos, Rogério Marinho também foi assunto

Guedes surpreendeu os convidados ao contar que avisou Bolsonaro que iria rebater Marinho de maneira dura e chamá-lo de "despreparado e fura teto"

Basília Rodriguesda CNN

Ouvir notícia

Depois do pedido mútuo de desculpas entre Rodrigo Maia e Paulo Guedes, no jantar na noite desta segunda-feira, o ministro da Economia falou de outro alvo de suas mágoas recentes, o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Assista e leia também:

Em jantar com Guedes, Maia pede desculpas e é aplaudido

Maia, Alcolumbre e Guedes defendem juntos agenda de retomada econômica

Disputa pela eleição na Câmara e crise no Centrão atrasam Comissão de Orçamento

‘Desentendimento natural’, diz Bolsonaro sobre Paulo Guedes e Rodrigo Maia

De acordo com relatos à CNN, Guedes surpreendeu os convidados ao contar que avisou Bolsonaro que iria rebater Marinho de maneira dura e chamá-lo de “despreparado e fura teto”, após saber que o colega ministro comentou sobre ele com investidores do mercado. Ou seja, aquela situação, em frente ao Ministério da Economia, com declaração de Guedes à imprensa, ocorreu com o prévio conhecimento de Bolsonaro.

Outro motivo de observações durante a noite foi o comando da Câmara dos Deputados no ano que vem. Aos convidados, não restaram dúvidas: Rodrigo Maia será candidato à reeleição em 2021. Pelo menos, ele fala e age como tal.

Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara, se reuniu com o ministro da Economi
Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara, se reuniu com o ministro da Economia, Paulo Guedes, na noite desta segunda-feira (5)
Foto: CNN (05.out.2020)

 

Mais Recentes da CNN