Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Em reunião, Lula deve pedir que ministros evitem balanços e apresentem soluções para cenário atual do governo

    Encontro ministerial acontece no Palácio do Planalto. Presidente da República pedirá sugestões para resolver problemas com o Congresso Nacional

    Ricardo Stuckert/PR

    Larissa RodriguesPedro Teixeirada CNN

    em Brasília

    Durante a reunião convocada para esta quinta-feira (15), os 37 ministros do governo petista terão até 10 minutos para trazer projeções para as próximas ações das suas pastas.

    A ordem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), repassada aos gestores, é evitar repetir o formato do encontro anterior, quando um balanço das pastas foi apresentado e o alto escalão discutiu o que foi feito nos primeiros 100 dias de governo.

    De acordo com integrantes do governo ouvidos pela CNN, além da projeção para o futuro, a expectativa é que os representantes das pastas façam uma avaliação sobre o momento atual do governo. Lula deverá tratar ainda da relação com o Congresso Nacional, em meio as dificuldades na articulação política.

    Segundo o ministro-chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, Lula “quer poder ouvir de cada ministro, de cada ministra, o planejamento do próximo período do governo”.

    A atual chefe do turismo, Daniela Carneiro, estará presente no encontro. A substituição da ministra, para atender exigências do União Brasil, deve ser discutida ainda hoje. No entanto, a oficialização da troca oficial pode ficar para a próxima semana.