Juristas apontam crimes de Bolsonaro em relatório entregue à CPI da Pandemia

Grupo foi coordenado pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior

Da CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

Juristas entregaram à CPI da Pandemia nesta terça-feira (14) um documento apontando possíveis crimes de responsabilidade cometidos pelo presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido). O grupo foi coordenado pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior.

Segundo o parecer, as infrações se referem ao combate à Covid-19. É apontado que houve omissão consciente do chefe do Executivo, do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello e do ex-secretário executivo da pasta Élcio Franco.

O estudo foi realizado a pedido do senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e deve ajudar a embasar o relatório final do senador Renan Calheiros (MDB-AL).

(Publicado por Nathallia Fonseca) 

Mais Recentes da CNN