Lideranças do PP esperam que Tarcísio atinja 20% nas pesquisas para apoiar sua candidatura

PP formalmente apoia a candidatura de Rodrigo Garcia (PSDB) para o governo; partido debate apoio a Tarcísio porque uma ala da legenda tem visto como promissora a candidatura dele

Ministro Tarcísio de Freitas
Ministro Tarcísio de Freitas Reuters

Kenzô Machidada CNN

Ouvir notícia

Uma ala do diretório do PP avalia apoio à candidatura do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para o governo de São Paulo.

A CNN apurou com lideranças do partido que foi estabelecida uma meta para apoiar a candidatura dele: Tarcísio tem até junho para atingir pelo menos 20% nas pesquisas de intenção de voto para o Palácio dos Bandeirantes.

A pedido do presidente Jair Bolsonaro (PL), Tarcísio se filiou na última segunda-feira (28) ao Republicanos.

De acordo com a apuração da analista de política da CNN Renata Agostini, ele está buscando o apoio do PP e PL para formar a chapa que disputará o governo de São Paulo.

Apesar de a direção do PP divulgar formalmente o apoio à candidatura de Rodrigo Garcia (PSDB) para o governo, o partido debate o apoio a Tarcísio porque uma ala da legenda tem visto como promissora a candidatura dele – principalmente após as últimas pesquisas de intenção de voto.

A pesquisa Real Time Big Data sobre as intenções de voto para governador de São Paulo, divulgada nesta segunda-feira (28), mostra o ex-prefeito Fernando Haddad (PT), com 27%; seguido pelo ex-governador Márcio França (PSB) e pelo ministro Tarcísio de Freitas (Republicanos), ambos com 14%.

Mais Recentes da CNN