Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Lula recebe Lira e líderes partidários no Alvorada para tentar avançar em pautas econômicas

    Chefe do Executivo deve enfatizar a articulação com os deputados para conseguir aprovar a pauta econômica do governo ainda no primeiro semestre

    Agenda entre Lira e Lula irá ocorrer em meio aos recentes ruídos entre Planalto e Câmara envolvendo o controle do Orçamento
    Agenda entre Lira e Lula irá ocorrer em meio aos recentes ruídos entre Planalto e Câmara envolvendo o controle do Orçamento 09/11/2022 - Adriano Machado/Reuters

    Mayara da PazLuciana Amaralda CNN

    Brasília

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vai se reunir, nesta quinta-feira (22), com o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e líderes partidários na tentativa de avançar em pautas econômicas de interesse do governo no Congresso Nacional.

    O encontro está marcado para as 19h, no Palácio da Alvorada, residência oficial da Presidência, em Brasília.

    A agenda irá ocorrer em meio aos recentes ruídos entre Planalto e Câmara envolvendo o controle do Orçamento. Em janeiro, Lula vetou R$ 5,6 bilhões em emendas destinadas à Câmara e ao Senado, o que irritou os parlamentares.

    Durante a abertura do ano Legislativo, no início do mês, Lira subiu o tom e, em recado ao Planalto, disse que os parlamentares “não foram eleitos para serem carimbadores” das propostas do Executivo e que o Orçamento da União deve ser construído em contribuição com o Legislativo.

    O presidente Lula chegou a se reunir com Lira antes do feriado de Carnaval para acertar os pontos. Após o encontro, assessores palacianos disseram que estava tudo “zerado” entre os dois.

    Foco na pauta econômica

    Durante a agenda desta quinta, o presidente Lula deve enfatizar a articulação com os deputados para conseguir aprovar a pauta econômica do governo ainda no primeiro semestre.

    O Planalto se organiza para acelerar a aprovação de pautas consideradas prioritárias, já que as eleições municipais de outubro deve esvaziar o Congresso no segundo semestre.

    A reunião também ocorrerá em meio às negociações sobre a reoneração da folha de pagamento de 17 setores da economia brasileira.

    Nesta quarta (21), o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), afirmou que que o governo concordou em rediscutir o tema por meio de um projeto de lei. Atualmente, a reoneração da folha é tema de uma medida provisória.

    Além disso, o encontro de Lula com Lira e lideranças será feito no momento em que a oposição se articula para protocolar um pedido de impeachment contra o petista por ter comparado os ataques de Israel à Faixa de Gaza ao Holocausto promovido pela Alemanha nazista contra os judeus na Segunda Guerra Mundial.