Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Eleições 2022

    Moralidade prevaleceu sobre economia em debate da CNN, diz cientista político

    Adriano Oliveira avaliou que o debate do último sábado teve protagonismo de temas morais, como aborto e corrupção, e não econômicos

    Tamara NassifVinícius Tadeuda CNN

    em São Paulo

    Em entrevista à CNN neste domingo (25), o cientista político e professor da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Adriano Oliveira avaliou que o debate deste sábado teve protagonismo de temas morais, como aborto e corrupção, mas não se estendeu em temas econômicos.

    “O debate foi amplamente moral, principal estratégia do presidente Jair Bolsonaro (PL) durante todo o mandato e que, agora, aparece na campanha”, disse ele, justificando o protagonismo do tema pela presença do candidato à reeleição, posicionado em segundo lugar nas pesquisas de intenção de voto, e pela ausência de Luís Inácio Lula da Silva (PT), que surge na liderança pela corrida ao Planalto.

    “Desde o início, essas eleições têm agendas moral e econômica. As pesquisas mostram que o que prevalece é a agenda econômica, e, por isso, o ex-presidente Lula lidera. O presidente Jair Bolsonaro poderia ter ido por esse caminho, mas preferiu pautar a campanha e o debate em assuntos sobre religião, aborto e corrupção.”

    A dobradinha entre Bolsonaro e Padre Kelmon (PTB), segundo o cientista político, evitou que temas econômicos protagonizassem o debate.

    A análise de Oliveira é que, por causa disso, a estratégia dos candidatos foi equivocada.

    Confira no vídeo acima a entrevista na íntegra.