‘Não tem a ver com Bolsonaro’, diz Ibaneis sobre decreto que fechou Esplanada

Decreto acabou impedindo manifestação pró-governo

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB)
O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB) foto-renato-alves-14-jan-2019-gdf

Basília Rodriguesda CNN

Ouvir notícia

Irritado com a repercussão negativa do fechamento da Esplanada, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, afirmou à CNN que o decreto que acabou impedindo uma manifestação pró-governo não tem impacto na relação dele com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“Não tem a ver, não tem parte com isso. Decretei está decretado”, disse à CNN.

Assista e leia também:
Governo do DF eleva o tom contra manifestantes após ameaças ao governador
Forma de impedir radicalismos, diz Mourão sobre decreto que fecha Esplanada
Aliados de Bolsonaro classificam como ‘censura’ decreto de Ibaneis

Rocha afirmou que o decreto é claro. No texto, o governo alega ser uma medida sanitária e também contra ameaças aos Poderes instituídos e manifestações que envolvam conteúdos anticonstitucionais.

De acordo com fontes ligadas à área de segurança, autores de ameaças mais duras contra o governador estavam foragidos e sendo procurados pela polícia.

Mais Recentes da CNN