Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Nelson Barbudo deve assumir cadeira de Amália Barros na Câmara dos Deputados

    Deputada do PL faleceu neste domingo, em São Paulo

    Nelson Barbudo (PL) foi eleito deputado federal pelo Mato Grosso em 2018
    Nelson Barbudo (PL) foi eleito deputado federal pelo Mato Grosso em 2018 Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados Fonte: Agência Câmara de Notícias

    Daniel Trevorda CNN

    Brasília

    O ex-deputado federal Nelson Barbudo (PL) deve voltar à Câmara para assumir a cadeira da deputada federal Amália Barros (PL), que faleceu essa madrugada em São Paulo.

    Amália estava internada desde o dia 1º de maio, quando foi submetida a uma cirurgia para a retirada de um nódulo no pâncreas.

    Nelson Ned Previdente, conhecido como Nelson Barbudo, foi eleito deputado federal pelo Mato Grosso em 2018 pelo antigo PSL, com 126.249 votos.

    Em 2022, recebeu 53.285 e ficou como primeiro suplente do PL. Antes de ser deputado, Nelson Barbudo foi eleito vereador de Alto Taquari (MT) em 2004, pelo PFL.

    Polêmicas

    Na Câmara, Nelson Barbudo teve sua atuação em comissões ligadas ao agro e meio ambiente. Ganhou repercussão quando criou um projeto de lei, não aprovado, que incentivava caça de animais que estariam em excesso na natureza.

    Em uma reunião da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quando discutia o projeto, chegou a mandar a deputada Tabata Amaral ficar “quietinha”.