Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Oposição pede explicações a Padilha por encontro com simpatizante do Hamas

    Requerimento foi protocolado pelo deputado federal Luiz Philippe Orleans e Bragança (PL-SP) e lista 10 perguntas a Padilha

    Requerimento lista 10 perguntas a Padilha
    Requerimento lista 10 perguntas a Padilha 20/04/2023REUTERS/Ueslei Marcelino

    Caio Junqueira

    A oposição protocolou na Câmara um requerimento no qual pede explicações ao ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, em razão de seu encontro com o simpatizante do Hamas Sayid Tenório.

    O requerimento foi protocolado pelo deputado federal Luiz Philippe Orleans e Bragança (PL-SP) e lista 10 perguntas a Padilha. São elas:

    1. Qual a razão da visita do Sr. Sayid Tenório ao Planalto?
    2. O que foi tratado nesta reunião? Tratou-se de alguma forma das relações entre o Hamas e Israel?
    3. Está registrada a ata da reunião em algum local que tenhamos acesso? Caso positivo, gostaríamos que fosse enviada junto às respostas a este requerimento
    4. Qual mensagem o ministério, que é, de certa forma, porta-voz do governo, quis passar ao receber tal apoiador?
    5. Quais medidas do Governo estão sendo tomadas para a inclusão do Hamas como grupo terrorista, que assim o é, na ONU? Tendo em vista que o Hamas é reconhecido como grupo terrorista pelos Estados Unidos, União Europeia, Reino Unido, Japão, Austrália, dentre outros.
    6. Qual a posição do governo em relação à guerra contra o terror causado pelo Hamas?
    7. Está nos planos deste Ministério uma retratação por ter se encontrado com alguém que apoiou abertamente as ações do Hamas contra Israel deflagradas a partir do último dia 08 de outubro e atentatórias aos direitos humanos e ao direito humanitário?
    8. Está nos planos do Governo Federal declarar Hamas como um grupo terrorista?
    9. O convidado citou algo sobre o Hamas durante a visita? Mostrou alguma manifestação de apoio ao grupo terrorista?
    10. E o mais importante: qual seria o “estreitamento das relações e do apoio do Governo brasileiro ao povo palestino, citado pelo convidado após a visita 2?

    O deputado justifica o requerimento dizendo que “é descabido que representantes do Governo Federal, ainda mais do alto escalão como o ministro responsável por dialogar pelo Governo Federal, se encontrem com apoiadores de grupos terroristas”.

    Como informou a analista de política da CNN Raquel Landim, Padilha ligou, na tarde desta terça-feira (10), para representantes da comunidade israelense para explicar seu encontro com Sayid Tenório.