Manifesto expõe divergências em setores da economia sobre crise política

Neste episódio do podcast E Tem Mais, Carol Nogueira descreve reações e consequências de mobilização em defesa da harmonia entre os Poderes

Da CNN Brasil*

Em São Paulo

Ouvir notícia

Apesar de ter a divulgação suspensa, um manifesto coordenado pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) para pedir harmonia entre os Três Poderes mobilizou forças políticas e setores da economia ao longo da semana. Segundo o presidente da Fiesp, Paulo Skaf, o texto – que reunia assinaturas de mais de 200 entidades – teve a publicação adiada com o objetivo de permitir novas adesões.

A decisão provocou reação da Febraban (Federação Brasileira de Bancos), uma das entidades que havia concordado com o documento. Em nota, a Febraban reafirmou o seu apoio ao teor do manifesto e disse que cumpriu o seu papel de se “juntar aos demais setores produtivos do Brasil num pedido de equilíbrio e serenidade”. A entidade manifestou ainda respeito à opção do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, que se posicionaram contra a assinatura do documento.

Neste episódio do E Tem Mais, Carol Nogueira descreve as reações e consequências da mobilização de setores da economia brasileira em busca de uma solução para a crise institucional que o país enfrenta. Para explicar melhor os desdobramentos e implicações do cenário de divisão política entre empresários e instituições financeiras, participam deste episódio os analistas da CNN Brasil Iuri Pitta, que analisa os aspectos políticos dessa mobilização, e Raquel Landim, que comenta o impacto e as expectativas no campo econômico.

Conheça os podcasts da CNN Brasil:

E Tem Mais

Abertura de Mercado

Horário de Brasília

CNN Mundo

Alma do Negócio

Entre Vozes

5 Fatos

Na Palma da Mari

Todo o conteúdo da grade digital da CNN Brasil é gratuito.

Podcast E Tem Mais, com apresentação de Carol Nogueira
Podcast E Tem Mais é publicado de segunda a sexta, sempre no início da manhã / CNN Brasil

* Publicado por Diego Toledo

Mais Recentes da CNN